quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Se o ridículo matasse!!!


Vacas na Praça de Espanha causam polémica


Pastam no meio do trânsito lisboeta para promoverem os Açores.

O pasto improvisado para vacas colocado na Praça de Espanha, com o intuito de promover o turismo nos Açores está a levantar polémica. A associação Animal classifica a campanha publicitária como um «absurdo». Já a consultora responsável pela iniciativa assegura que todos os requisitos legais foram cumpridos e que o «bem-estar» dos animais está a ser assegurado.

«É um absurdo que os animais sejam sujeitos ao stress causado pelo trânsito da Praça de Espanha, onde passam milhares de veículos todos os dias. Além disso, estes animais não têm um pasto adequado e estão sujeitos ao mau tempo, especialmente à chuva dos últimos dias», esclareceu ao PortugalDiário Miguel Moutinho, da Associação de Defesa dos Direitos dos Animais, ANIMAL.
«É uma questão de princípio. O facto destes animais estarem a ser «usados» em publicidade é condenável em si mesmo, uma vez que se baseia numa visão utilitária dos animais, que assim são tratados como peças que podem ser usadas em manobras publicitárias e não como indivíduos inerentemente respeitáveis», protesta a ANIMAL.


Excertos de notícia do Portugal Diário


Há coisas ridículas, e esta para mim, é uma delas!

É assim que certas associações a meu ver se descredibilizam, com a ânsia de protagonismo.

Então e cito, « estão sujeitos ao mau tempo, especialmente à chuva dos últimos dias», o que não acontece quando estão no campo a pastar, pois a referida associação deve pensar que no campo anda um tratador por vaca, com um chapéu de chuva!!!

Então e cito, « uma vez que se baseia numa visão utilitária dos animais, que assim são tratados como peças que podem ser usadas em manobras publicitárias e não como indivíduos inerentemente respeitáveis», uma vez que já não é uma “visão utilitária” matar as ditas vaquinhas para comer uns bifes, nem usá-las para reproduzirem vitelas para fornecer os talhos, para alimentar os ditos senhores da referida associação!!!

Ora abóbora!

Poderiam isso sim, embora não fosse muito relevante, era discutir o bom gosto ou mau gosto da acção publicitária e o esterco que forçosamente as vaquinhas hão-de deixar na Praça de Espanha, agora a “chuva” e a “visão utilitária” é mesmo de quem não tem mais nada que fazer e anseia por protagonismo!

Ainda por cima as vaquinhas até estão com um ar de serem muito bem tratadas!!!

.

.

8 comentários:

Ferreira-Pinto disse...

Com uma defesa tão "apaixonada" e obtusa da vaca, quase me apetece um bife!
Mas não posso, por causa do colesterol.

Ó amigo LUSITANO ainda vamos ter de processar estes tipos por nos estarem a pilhar as ideias tontas :)

AP disse...

A questão dos direitos dos animais é importante, mas estas associações e organizações ambientais, ecologistas, pró-animais, etc...Levam ao ridiculo as suas declarações, na minha opinião a campanha publicitária até tem a sua piada! Gostei da análise aqui feita, partilho-a inteiramente.

Cumprimentos do Réprobo

António de Almeida disse...

As vacas não vieram dos Açores, mas da Moita...

Peter disse...

Ele há cada um! Quem teria sido o iluminado publicista?

lusitano disse...

Caro Ferreira Pinto

Uns não sabem o que mais inventar e os outros...coitados não sabem o que hão-de fazer para chamar a atenção.

Abraço

lusitano disse...

Caro AP

Obrigado!

Claro que os animais têm direitos, mas não caiamos neste ridiculo!!!

Abraço

lusitano disse...

Caro António de Almeida

Sim é verdade, mas o ridiculo permanece, quanto a mim.

Abraço

lusitano disse...

Caro Peter

Uma luminária, uma luminária!!!!

Abraço